quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

AIDS e o vírus HIV

Graças ao blog do Dr. Ricardo Herbert Jones fiquei conhecendo o trabalho do professor Peter Duesberg, que contesta a teoria de que o vírus HIV seja a causa da AIDS. Leia esta matéria na revista Superinteressante para conhecer um pouco melhor a teoria dele. Leia também:

Artigo na Wikipédia sobre Peter Duesberg:

Salários dos professores na Unicamp

Olá, Atualizando os dados de uma série de posts com o rótulo "salario professor", aqui vão os novos valores dos salários dos professores de Magistério Superior da Unicamp, com dedicação integral à docência e à pesquisa:
  • Professor Doutor (salário inicial): R$ 5.938,39
  • Professor Associado (após aprovação em concurso de Livre Docência): R$ 7.080,03
  • Professor Titular (após concurso): R$ 8.536,16

Lembro que estes valores são brutos. Dos valores acima, entre outros descontos, devem ser descontados previdência e imposto de renda. E acrescentado o vale-alimentação.

Com o passar do tempo, os funcionários da Unicamp recebem adicional por tempo de serviço.

Podem receber também adicionais por cargos de direção.

Fonte: http://www.dgrh.unicamp.br/tab_doc_ms37_nov2007.shtml

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Cursos de Verão no IME/USP sobre Métodos Ágeis de Desenvolvimento de Software

Teremos dois cursos de verão sobre Métodos Ágeis de Desenvolvimento de Software no IME/USP em janeiro de 2008.

O primeiro curso apresenta os conceitos em detalhes e o segundo os aplica de forma prática no laboratório.

Inscreva-se já: as vagas são limitadas! Telefone (11) 3091-6169, email: verao@ime.usp.br

http://www.agilcoop.org.br/portal/eventos/verao-agil-2008-no-ime-usp-cursos-da-agilcoop

http://www.ime.usp.br/~verao/insc.html

******** Curso B.21 - Introdução a Métodos Ágeis de Desenvolvimento de Software ********

Professores: Prof. Dr. Fabio Kon, Prof. Dr. João Eduardo Ferreira, Alexandre Freire, Dairton Bassi, Danilo Sato, Hugo Corbucci, Mariana Bravo e Paulo Cheque.

Objetivos: Familiarizar desenvolvedores de software e gerentes de TI com metodologias ágeis de desenvolvimento de software com especial ênfase em Programa�ão eXtrema (XP).

Justificativa: As novas metodologias ágeis de desenvolvimento de software têm se mostrado bastante eficazes para o desenvolvimento de sistemas de software de pequeno e médio porte (até 1 milhão de linhas de código) com excelentes níveis de qualidade. Neste curso, apresentaremos a filosofia por trás dos métodos ágeis, daremos uma visão geral dos vários métodos ágeis existentes e, em seguida, abordaremos em detalhes a Programação eXtrema (XP), o método ágil mais conhecido e utilizado.

Conteúdo: O manifesto ágil. Os principais métodos ágeis. As práticas de XP. Testes automatizados. Refatoração: técnicas sistemáticas para melhorar o projeto de software pré-existente. Planejamento ágil. Padronização de estilo. Ferramentas para o desenvolvimento colaborativo de software. Modelagem Ágil e Refatoração de Bancos de Dados.

Pré-requisitos: Conhecimentos básicos de Orienta�ão a Objetos.

Bibliografia:
1. Kent Beck, eXtreme Programming: Explained, Addison-Wesley, 2000 (1a edição) e 2005 (2a edição).
2. Kent Beck, Test-Driven Development: By Example, Addison-Wesley, 2002.
3. Alistair Cockburn, Agile Software Development, Addison-Wesley Longman, 2002.
4. Martin Fowler, Refactoring: Improving the Design of Existing Code, Addison-Wesley, 2000.
5. E. Gamma, R. Helm, R. Johnson, and J. Vlissides, Design Patterns: Elements of Reusable Object-Oriented Software, Addison-Wesley, 1995.
6. Brian W. Kernighan and Rob Pike, The Practice of Programming, Addison-Wesley, 1998.
7. P. McBreen, Questioning Extreme Programming, Addison Wesley, 2003.
8. Ken Schwaber and Mike Beedle. Agile Software Development with SCRUM. Prentice-Hall, 2001.
9. Ron Crocker. Large-Scale Agile Software Development. Addison-Wesley, 2004.
10. Scott W. Ambler and Pramod J. Sadalage. Refactoring Databases: Evolutionary
Database Design. Addison-Wesley, 2006.


Carga Horária: 16 horas: 21 a 24 de janeiro, 2a a 5a das 14:00 às 18:00
Custo: R$ 250,00


******** Curso B.22 - Laboratório de Programação eXtrema ********

Professores: Prof. Dr. Fabio Kon, Prof. Dr. João Eduardo Ferreira, Alexandre Freire, Dairton Bassi, Danilo Sato, Hugo Corbucci, Mariana Bravo e Paulo Cheque.

Objetivos: Através de uma abordagem essencialmente prática, oferecer a oportunidade para desenvolvedores de software e gerentes de TI construirem um pequeno sistema de software de forma colaborativa utilizando XP. O curso será ministrado inteiramente no laboratório Eclipse do IME/USP.

Justificativa: As novas metodologias ágeis de desenvolvimento de software têm se mostrado bastante eficazes para o desenvolvimento de sistemas de software de pequeno e médio porte (até 1 milhão de linhas de código) com excelentes níveis de qualidade. Neste curso, apresentaremos a filosofia por trás dos métodos ágeis, daremos uma visão geral dos vários métodos ágeis existentes e, em seguida, abordaremos em detalhes a Programação eXtrema (XP), o método ágil mais conhecido e utilizado.

Ferramentas utilizadas:

* Java, como linguagem de programação
* Eclipse, como ambiente de desenvolvimento
* Subversion, como repositório de código para controle de versões e integração contínua
* JUnit para testes de unidade
* Selenium ou JWebUnit para testes de aceitação e de interface
* XPlanner, para gerenciamento, acompanhamento e planejamento do desenvolvimento

Pré-requisitos: Conhecimentos básicos de Orientação a Objetos, de programação Java e de Programação eXtrema (XP). É altamente recomendável que os participantes deste curso também façam o curso B.22 (ou então que já cheguem com um bom conhecimento de XP, por exemplo, lendo o livro inteiro do Kent Beck, eXtreme Programming: Explained).

Carga Horária: 20 horas: 28 de janeiro a 1 de fevereiro, 2a a 6a das 14:00 às 18:00
Custo: R$ 400,00



quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

Notas da Prova

Aos alunos das turmas 170, 171/470A, 276 e 277 do CEFET-SP, Uned Sertãozinho: Cliquem aqui para ver as notas da última prova do quarto bimestre.

Estudante de escola técnica de Minas consegue o primeiro lugar no Enem

http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&task=view&interna=1&id=9582 04/12/2007 11:43:06 A estudante Luísa Lima Castro, ex-aluna do Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet) de Minas Gerais, obteve o primeiro lugar no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano. No domingo, 2, Luísa fez também o vestibular para o curso de medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Caso, porém, não consiga uma das 320 vagas, já tem uma bolsa integral garantida na Faculdade de Ciências Médicas.A estudante participou do Enem com 2,7 milhões de alunos e conseguiu 100% de aproveitamento na prova objetiva e na redação, enquanto a média nacional foi de 54% (52% na prova objetiva e 56% na redação). No curso de química do Cefet-MG, Luísa sempre se dedicou muito aos estudos. “Raramente namorava ou saia com os amigos”, conta.Luísa concluiu o curso no segundo semestre de 2006. Em 2005, com um grupo de estudantes, obteve o primeiro lugar na Mostra Específica de Trabalhos e Aplicações do Cefet-MG, com o trabalho Brasil Sustança. Em março de 2006, a mesma equipe ganhou quatro prêmios na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia, Criatividade e Inovação (Febrace), em São Paulo, e recebeu convite para participar do encontro anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, em Florianópolis.A professora Eliza Maria Farias, do Cefet-MG, que orientou o trabalho Brasil Sustança, salienta que Luísa estuda muito e faz por merecer todos os prêmios que conquista.

Receba as postagens deste blog por email